(83) 3225-4784 / (83) 3225-4663

Blog

Sistema de vídeo mapeamento: o que você não sabe sobre ele

O mercado de segurança vem expandindo e se aprimorando cada dia mais com o aumento da tecnologia.

Isso é notável se percebermos o surgimento de novos modelos de segurança e dispositivos.

Um bom exemplar é o Sistema de Vídeo Mapeamento ou Videomapping. Um avanço tão inovador que é difícil encontrar conteúdo falando sobre em português.

Por esse motivo trazemos para você uma explicação direta de como o serviço funciona e o por que você ainda ouvirá falar muito sobre.

Confira!

O que é o sistema de vídeo mapeamento

O sistema de vídeo mapeamento tem a função de substituir um vigilante físico por um sistema de monitoramento eletrônico feito com câmeras e tecnologia de ponta.

O grande diferencial dessa ferramenta em comparação ao alarme convencional é que ele detecta as áreas externas, o que dá a possibilidade de traçar um perímetro imaginário através das próprias câmeras.

Com essa expertise se nota qualquer movimento, pois há um operador de monitoramento a postos todo tempo acompanhando o local.

Uma vez que o sistema de câmeras detecte uma movimentação, há um filtro de segurança interno que dirá se é necessário ou não agir.

Caso se faça necessário, o operador pode acionar dispositivos de coibição. Seja durante o dia ou à noite, ele pode usar a sirene pedindo para a pessoa se afastar, por exemplo.

Um outro elemento que pode ser agregado ao sistema de vídeo mapeamento é a cerca virtual, mais comum em ambientes que possuam cofres, áreas com controle de risco ou de acesso restrito.

Nesses casos há a opção de utilizar um dispositivo que libera fumaça para condensar o local, o que dificulta bastante a ação dos meliantes.

Outro componente diferenciado desse sistema é a coleta de dados. As informações obtidas são mais precisas, pois a troca é feita através de fibra ótica e em tempo real, grande fator que demonstra como a tecnologia veio para aumentar a segurança.  

O videomapping ainda entrega um controle maior das áreas monitoradas, pois ele pode mapear telhados através das câmeras, além de todo o perímetro e salas de acesso restrito.

Mas afinal, por que o sistema de vídeo mapeamento é melhor que o alarme convencional?

O que difere de maneira pesada o sistema de alarme convencional para o vídeo mapeamento é que o primeiro só detecta a inclusão depois que alguém já está dentro do recinto, enquanto que no videomapping isso acontece ainda nas áreas externas.

E não é só isso, o custo benefício do sistema de vídeo mapeamento é gigante se comparado ao uso de um vigilante.

O valor médio para a presença de um vigilante, com posto 24 horas fica em torno de R$23.000, 00 e vídeo mapeamento custa a partir de um salário mínimo.

E você?

Já conhecia o sistema de vídeo mapeamento ou já pensou em usar? Nos conte aqui nos comentários.

Se tiver alguma dúvida também ou sugestão, fique a vontade para tirá-la aqui mesmo ou em um de nossos canais, como Instagram e Facebook.

Aproveite e baixe gratuitamente o nosso infográfica com os Cinco 5 ambientes que necessitam de segurança clicando aqui.

Até!

whatsapp planserv
(83) 3225-4784 | (83) 3225-4663 whatsapp planserv